Feminicídio: homem mata esposa e tenta tirar a própria vida no Antares

 Feminicídio: homem mata esposa e tenta tirar a própria vida no Antares

Reprodução Instagram

TNH1

Alagoas registrou nesta quinta-feira, 21, o terceiro caso de feminicídio em uma semana. Um homem matou a companheira a facadas no final desta manhã, em um conjunto residencial no bairro do Antares, na parte alta de Maceió. As informações foram confirmadas pelo comando do 5º Batalhão da Polícia Militar.

Segundo informações apuradas, Maria Aparecida Bezerra, de 54 anos, foi morta com golpes de faca pelo companheiro Alisson Bezerra, de 44 anos. A vítima já havia trabalhado como policial militar, mas tinha pedido baixa para se dedicar à advocacia. O homem estaria em profunda depressão e a mulher tentava levá-lo a tratamento hoje em uma clínica.

Houve discussão e o homem terminou matando-a com golpes de faca. Em meio ao crime, ele ligou para uma tia, que foi ao local e encontrou o sobrinho ao lado do corpo de Maria Aparecida. Logo em seguida, Alisson desferiu, com duas facas peixeiras, ferimentos no tórax e no pescoço.

O homem foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). “O Samu de Alagoas foi acionado na tarde desta quinta-feira (21), para atender uma vítima de homicídio e outra de tentativa de suicídio por arma branca no bairro Antares, em Maceió. Entre as vítimas, uma mulher não identificada foi atendida por uma equipe da Unidade de Suporte Avançado (USA) do Samu Alagoas, mas teve o óbito constatado ainda no local. A vítima da tentativa de suicídio, um homem de 44 anos identificado como Alisson Bezerra da Silva é marido da mulher encontrada em óbito no local, foi encaminhado para o Hospital Geral do Estado (HGE)”.

Veja o boletim médico do Hospital Geral do Estado: “Alisson Bezerra da Silva – O Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió, informa que o paciente Alisson Bezerra da Silva, de 44 anos, está sendo submetido a procedimento cirúrgico devido a um golpe de arma branca na região do pescoço. Quanto ao ferimento no tórax, após a realização de tomografia computadorizada, a equipe médica não observou gravidade. Ele foi admitido nesta quinta-feira (21), às 13h45, e seu estado de saúde é considerado estável”.

Terceiro caso em uma semana – O primeiro crime aconteceu na noite da quinta-feira, 14. Um casal foi encontrado morto dentro do quarto da própria casa no bairro Pontal da Barra, em Maceió. Segundo o relatório da Secretaria de Segurança Pública, os indícios no local do crime indicam possivelmente que tenha ocorrido homicídio seguido de suicídio. As vítimas foram identificadas como Maria Elenilda Vieira da Silva, de 28 anos, e Cláudio Jackson Barbosa dos Santos, de 36 anos.

O segundo caso ocorreu na noite da última terça-feira, 19. A mulher identificada como Daniela Fernanda Silva Belo, 29 anos, foi brutalmente assassinada a golpes de arma branca na Rua Fernando Lourenço, no bairro Boa Vista, e o suspeito do crime foi o próprio companheiro. Diego Fernandes Lira da Silva, 32 anos, mandou um áudio para a cunhada logo após matar Daniela e depois foi encontrado morto dentro de um carro, em consequência de ferimentos causados por uma colisão com caminhão. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Mais Notícias