Fora da zona do rebaixamento, CRB x CSA será o clássico da virada de chave para os rivais

 Fora da zona do rebaixamento, CRB x CSA será o clássico da virada de chave para os rivais

Foto: Ailton Cruz

Com o clássico mais tradicional de Alagoas e um dos maiores do Nordeste se aproximando, as torcidas de CRB e CSA se agitam e os elencos se preparam com mais afinco, para não decepcionar no embate da próxima quarta-feira (1), às 21h30, no Trapichão.

CRB – Mandante da vez

Desde a chegada do técnico Daniel Paulista, o Galo vem se recuperando na tabela. Saiu da incômoda lanterna e está na décima terceira posição na tabela, a 3 pontos do grêmio, que é o quinto na classificação. O time aposta na sequência de duas vitórias, o que reacendeu o ânimo do grupo e promete um gás extra no clássico.

As esperanças de gol estão depositadas, principalmente, no artilheiro Anselmo Ramon, que vem se destacando no alvirrubro.

CSA – O visitante

O técnico Mozart Santos teve uma folga considerável antes da partida contra o Novorizontino e, conseguiu encontrar um esquema tático que sufocou o adversário em alguns momentos da partida, com os zagueiros bem adiantados quando tinha a posse de bola e com alas que realizavam uma rápida recomposição com a posse do adversário. O resultado foi a vitória por 2 a 1 e o alívio na tabela. Agora é clássico e, para subir ainda mais na classificação, só a vitória interessa.

O meia Gabriel, líder técnico e capitão da equipe, é desfalque para a partida, está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Por outro lado, Mozart conta com o retorno do atacante Osvaldo, que retorna de lesão. Outro que deve ser titular, é o volante Geovane, que já voltou e jogou alguns minutos na última partida.

Mais Notícias