‘Operação 404’: suspeito de administrar sites de filmes piratas é detido em Maceió

 ‘Operação 404’: suspeito de administrar sites de filmes piratas é detido em Maceió

TNH1

A Polícia Civil de Alagoas confirmou, na manhã desta terça-feira, 21, que um homem de 30 anos foi detido e conduzido coercitivamente para a Delegacia de Crimes Cibernéticos, na sede da Divisão Especial de Investigação e Captura (Deic), em Maceió, durante mais uma fase da ‘Operação 404’, que combate crimes de pirataria digital.

Ao TNH1, o delegado Sidney Tenório, titular da Delegacia de Crimes Cibernéticos, contou que três mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça e policiais foram enviados até os bairros Barro Duro e Jacintinho. O suspeito levado para a unidade policial seria um dos alvos da operação que movimentou agentes de segurança em Alagoas, mais 10 estados e dois países.

“Foram três mandados de busca e apreensão nos bairros Barro Duro e Jacintinho. Inclusive, com a condução coercitiva de um suspeito de 30 anos, proprietário do domínio de dois sites que pirateiam filmes. Ele é um dos principais alvos da operação do Ministério da Justiça”, declarou Sidney Tenório.

Ainda segundo o delegado, o notebook e o aparelho celular, usados para hospedagem do site e movimentação da conteúdo ilegal, foram apreendidos com o homem. “Ele trabalhava com a reprodução de conteúdos. Eram sites que disponibilizavam filmes pirateados. Em outros estados, houve ligação com TV Box, com esses aparelhos de aplicativo, mas em Alagoas não”, esclareceu Tenório. 

Mais Notícias