Policial que começou tiroteio e baleou um homem em show de Matuê, em SP, é preso em flagrante

 Policial que começou tiroteio e baleou um homem em show de Matuê, em SP, é preso em flagrante

Agressor atuava como fotógrafo da Polícia Civil. O caso segue em investigação pela Corregedoria, segundo a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo.

Por g1 Santos

Um policial civil foi preso após atirar contra um caminhoneiro, de 39 anos, durante uma apresentação do rapper Matuê em Santos, no litoral de São Paulo, na madrugada de domingo (8). A informação foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP) na manhã desta segunda-feira (9), após o encerramento da ocorrência.

Em nota, a pasta afirma que o disparo foi feito por um fotógrafo policial, de 36 anos. A vítima foi baleada depois de se envolver em uma discussão com o policial durante uma apresentação musical em uma casa de shows.

O caminhoneiro foi encaminhado à Santa Casa de Santos por volta de 5h, onde permanece internado. A vítima foi socorrida por populares ao hospital e passou por cirurgia.

O fotógrafo foi encaminhado à 6ª Corregedoria Auxiliar de Santos, onde o caso foi registrado e segue em investigação. Foram solicitados exames periciais ao Instituto de Criminalística (IC) e ao Instituto Médico Legal (IML).

Conforme a SSP, os demais detalhes serão preservados para garantir a autonomia do trabalho policial. Em nota, a Santa Casa de Santos afirmou que não tem autorização para dar maiores informações sobre o caso.

Cenário de destruição’

Imagens obtidas pela reportagem, mostram o show em andamento e o momento em que as pessoas se assustam ao perceber os disparos. No entanto, algumas pessoas só perceberam os tiros após a correria. (veja o vídeo acima)

Na sequência, o vídeo mostra as pessoas desesperadas deitando no chão, correndo pela casa de shows e um ‘cenário de destruição’ com diversas mesas quebradas e espalhadas pelo local. “Deu ruim, família, deu ruim. Deita, deita”, diz um rapaz no vídeo.

A Polícia Militar foi acionada pela Santa Casa, por volta das 4h26, para comunicar a entrada do paciente baleado na unidade.

Nas redes sociais, o rapper Matuê publicou um vídeo explicando a ocorrência. “Salve rapaziada! Só passando para avisar que está tudo bem, beleza? A gente saiu da festa de boa. Para quem não sabe, nós fomos fazer um show agora pouco e rolou tiroteio, maior confusão”. Veja o vídeo acima.

Segundo o cantor, foi necessário sair do local porque a situação estava ‘tensa’. “Na hora que aconteceu eu nem consegui ouvir. O som estava muito alto, alguém chegou, me puxou do palco, falou que estava rolando tiroteio e a gente já saiu”.

Matuê disse ainda que, aparentemente, teve uma desavença. “O cara estragou o rolê de todo mundo. O show estava incrível, a vibe estava muito massa, estava todo mundo bem e uma pessoa foi lá e estragou o rolê inteiro”.

“Só passar para falar que não é isso que vai mudar meu carinho por Santos, rapaziada de Santos, é ‘nóis, mano’, ainda vou voltar aí. Mandando força para o mano que foi baleado, não tenho informação, não sei o que está rolando. Quem tiver informação manda, que estou mandando força aqui, espero que dê tudo certo”, finaliza.

Leia na íntegra a nota Jota Music Eventos, organizadora do show:

“Gostaríamos de informar a todos que no momento estamos esclarecendo os fatos perante as autoridades policiais, recolhendo informações para levar aos mesmos. Ao serem apuradas e concluídas as investigações, traremos à tona o ocorrido. Portanto, não conseguimos dar muitas informações. Importante esclarecer que a casa tinha alvará de funcionamento e os requisitos necessários. Saliente-se que em pouco tempo realizamos a evacuação total da casa, junto a saídas de emergência. A ambulância (UTI móvel) contratada para permanecer no local prestou os primeiros-socorros e em poucos minutos a vítima já estava no hospital. Os bombeiros e os enfermeiros que estavam na casa orientaram todos e realizou os primeiros procedimentos com a vítima. Os seguranças agiram no momento do disparo e estavam todos capacitados para o trabalho e em grande quantidade. Os disparos vieram, provavelmente, de uma possível briga envolvendo um policial que estava na condição de frequentador do evento, porém não podemos dar mais informações por ainda estarem sendo apurados os fatos, mas a casa e o evento estavam com segurança, bombeiro, enfermeiro, UTI móvel e tudo para garantir um evento tranquilo porém por Lei não podemos impedir um policial de entrar armado. Ficamos à disposição para maiores esclarecimentos e continuaremos contribuindo com as autoridades para obter a mais rápida apuração e solução do caso. “

Casa de shows, no centro de Santos, onde aconteceu tiroteio durante show do rapper Matuê  — Foto: Matheus Croce/g1
Casa de shows, no centro de Santos, onde aconteceu tiroteio durante show do rapper Matuê — Foto: Matheus Croce/g1

Yoná Micaella

Mais Notícias