spot_imgspot_img

Tiroteio em show de Maiara e Maraisa deixa um morto em Palmas


Um tiroteio durante o show do aniversário do Tocantins deixou pelo menos uma pessoa morta na madrugada desta sexta-feira (6). O crime aconteceu por volta das 3h enquanto as cantoras Maiara e Maraísa estavam no palco. O evento é realizado pelo governo do estado em comemoração aos 35 anos do estado.

A vítima que morreu é um adolescente de 17 anos identificado como Ruan Gomes da Silva. Outras 11 pessoas ficaram feridas durante a confusão e foram levadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Norte e Hospital Geral de Palmas (HGP). Até a publicação desta reportagem o governo do Tocantins e a Polícia Militar ainda não se manifestaram sobre o que aconteceu.

Apesar de o crime ter acontecido durante a madrugada, o governo afirmou que ainda não tem um posicionamento e “assim que tiver uma resposta oficial enviará”. A Polícia Militar foi procurada, mas ainda não passou informações.

Durante o tiroteio houve correria e tumulto. Imagens que circulam nas redes sociais mostram moradores que compareceram à festa correndo pela praça para fugir da confusão.

As primeiras informações indicam que a dupla Maiara e Maraisa também precisou sair às pressas do palco. Não há informações sobre o que provocou o tiroteio.

A programação do estado era para que a comemoração durasse duas noites. Nesta quinta-feira (5) estavam programados sete shows com cantores regionais e nacionais, mas o evento acabou sendo encerrado sem as apresentações dos dois últimos artistas.

Ainda não há informação se a segunda noite do evento será mantida.



Fonte: TNH1

spot_imgspot_img

Últimas

Leia também

spot_imgspot_img

Padre e companheiro são presos vendendo Viagra e afrodisíacos na Espanha

A Guarda Civil da Espanha prendeu o pároco da Igreja de...

Recalcular decisões de vida é mais difícil para pessoas pobres e negras

"Não foi positivo, mas foi necessário", define o fluminense Flávio Gomes,...

Empresa é condenada após gerente criticar aparência de ex-estagiária

A Justiça do Trabalho condenou uma concessionária de automóveis de Sorocaba...